Mundo Verde

Blog da turma 9MC2

Categoria: 2001-2021 (Página 1 de 2)

PARA OS CINÉFILOS DE PLANTÃO – PROJETO CINE DEBATE

Em agosto deste ano, demos início a mais um projeto na unidade Vila Andrade: o Cine Debate. Mensalmente, nos reunimos para assistir a filmes e debater os mais variados assuntos: adolescência, depressão, os perigos da superexposição na internet, o racismo, o papel da mulher na sociedade, etc.

O projeto foi pensado para ser mais um espaço de formação para os alunos de 8o. e 9o. anos, de modo que pudessem trazer para a escola os mais diferentes temas do mundo que os interessam e mobilizam, além de ser uma oportunidade de ampliação do repertório cultural e desenvolvimento da argumentação.

Além disso, o projeto conta com a participação de professores de diferentes disciplinas, favorecendo não apenas a relação professor-aluno num outro contexto de aprendizagem, mas também propiciando a troca de ideias entre variados interlocutores, o que enriquece imensamente os debates.

Aproveitando a onda do Cine Debate e o projeto do 9o. ano a respeito do PRECONCEITO, elaboramos para vocês uma lista com algumas sugestões de filmes que abordam essa temática tão importante de ser discutida, dentro e fora da escola! Não deixem de conferir 😉

  • Rainha de Katwe (Disney, 2016);
  • Estrelas além do tempo (2016);
  • Duelo de Titãs (2001);
  • Django Livre (2013);
  • Histórias Cruzadas (2011);
  • O grande desafio (2011);
  • Hoje eu quero voltar sozinho (2014);
  • O jogo da imitação (2015);
  • A garota dinamarquesa (2016);
  • Filadélfia (1993);
  • Tomboy (2012);
  • C.R.A.Z.Y – loucos de amor (2005).

🏳️‍🌈 LGBTfobia+Rap🏳️‍🌈

https://youtu.be/CB0mMQtoN10

Uso da energia nuclear nos Estados Unidos

A energia nuclear representa apenas 9% da energia utilizada nos Estados Unidos, (aproximadamente 19% da geração de eletricidade), muito abaixo do gás natural (32%), do petróleo (28%) e do carvão (21%).

Nos Estados Unidos, a energia nuclear ainda evoca desastres como o de 1979 em Three Mile Island, na Pensilvânia. Nenhuma nova usina nuclear foi posta em funcionamento entre 1996 e 2016 e se espera que apenas quatro entrem em funcionamento até 2021.

                   encurtador.com.br/lorDF

Ainda assim, os Estados Unidos são o maior produtor mundial de energia nuclear, graças à acumulação das décadas de 1960 e 1970, período em que foram habilitados 99 reatores em aproximadamente 60 lugares.

Com a quebra da Westinghouse, poucos operadores terão recursos financeiros para construir novos reatores.

O inesperado alto custo de construção foi em parte responsável pelas penúrias da Westinghouse, adquirida pela Toshiba em 2006.

A companhia espera completar a construção de usinas na Carolina do Sul, chamada Summer, e na Georgia, chamada Vogtle.

“A construção de uma usina nuclear é uma empresa complexa e historicamente esses projetos sofreram mudanças no meio do processo, como a quebra de algumas companhias”, disse Maria Korsnick, presidente do Instituto de Energia Nuclear, um organismo estabelecido em Washington.  

 Fonte: goo.gl/848Gs5

 

Coréia do Norte: a poluição do ar

Segundo a Organização Mundial da Saúde  ( OMS ) os coreanos correm risco de morrem por causa da poluição do ar, entretanto, a Coréia do Norte não é o país que mais polui o mundo . Segundo a OMS a poluição do ar exterior é um problema que afeta todos os países sendo desenvolvido ou não. A OMS ainda afirma que essa poluição vem principalmente de setores como : transportes, energia, gestão de resíduos, edifícios e agricultura.

 encurtador.com.br/yLVY4

Coréia do Norte: seu marco de tecnologia

      A Coréia do Norte criou o seu próprio sistemas operativo que chama-se Red Star e que, de acordo com os investigadores completar aqui, inclui um aplicativo para processamento de textos, calendários e serviços para composição de música. Como os norte coreanos usam pens USB contrabandeados da China para ver filmes, notícias e outras mídias de forma ilegal, o sistema operativo sinaliza os ficheiro, porque significa que podem ser rastreados quando transferidos.

            fonte: encurtador.com.br/huHW5

       No início de março a primeira rede 3g do país foi liberada, assim com várias restrições: só estrangeiros podem acessa-la, entretanto, habitantes locais não tem permissão Estrangeiros e nativos vivem em mundos paralelos. Um estrangeiro tem acesso a uma conexão rápida. Já os nativos precisam usar uma internet controlada pelo estado, onde é permitido se comunicar somente com pessoas dentro do país e acessar sites exclusivos dessa rede governamental. Um grande marco para a tecnologia na Coréia do Norte foi alcançado.

   

     

 

DINAMARCA: EXEMPLO DE SUSTENTABILIDADE

A Dinamarca nos últimos anos vem se tornando uma das maiores referências de sustentabilidade. Seu último projeto foi criar fontes alternativas de energia limpa renovável. 

O vídeo a seguir mostra uma reportagem a respeito da nova ação:

RACISMO NO EMPREGO

O tipo de preconceito escolhido para o trabalho foi o racismo. Escolhemos esse tema, pois os negros, na sociedade, são diminuídos no mercado de trabalho, tendo menores salários e cargos. Isso acontece pelo tom de sua pele, pela baixa renda e pelos poucos recursos que possuem.

Nosso vídeo tenta mostrar um pouco da realidade que os negros enfrentam ao procurarem trabalho. Mesmo eles tendo bons cursos, muitas vezes, pelo tom da sua pele, deixam de ter uma boa oportunidade empresarial, com isso acabam ocupando cargos inferiores.

“As constatações dos peritos da ONU, que visitaram o Brasil entre os dias 4 e 14 de dezembro de 2013, são claras: os negros no país são os que mais são assassinados, são os que morrem  mais cedo e têm menor escolaridade, menores salários, maior taxa de desemprego, menor acesso á saúde, são os que morrem mais cedo e têm a menor participação no Produto Interno Bruto (PIB). No entanto, são os que mais lotam as prisões e os que menos ocupam postos nos governos.”

Gostaríamos de passar a mensagem de que não precisamos viver assim e que essa cena que todos vão ver agora possa, um dia, não fazer mais parte da nossa sociedade. A sua cor não o torna melhor ou pior que ninguém!

Vídeo criado por:

Ana Carolina da Silva,

Beatriz Oliveira,

Gabriela Souza,

Kailane Costa,

Lúcia Helena Coutinho

Dadaísmo

Dadaísmo

Resultado de imagem para marcel duchamp roda de bicicleta

Marchel Duchamp, Roda de bicicleta

O Dadaísmo foi um movimento artístico que surgiu na Europa (cidade suíça de Zurique) no ano de 1916. Possuía como característica principal a ruptura com as formas de arte tradicionais. Portanto, o Dadaísmo foi um movimento com forte conteúdo anárquico. O próprio nome do movimento deriva de um termo inglês infantil: dadá (brinquedo, cavalo de pau). Daí, observa-se a falta de sentido e a quebra com o tradicional deste movimento.

 

Características principais do Dadaísmo:

– Objetos comuns do cotidiano são apresentados de uma nova forma e dentro de um contexto artístico;

– Irreverência artística.

– Ênfase no absurdo e nos temas e conteúdos sem lógica.

– Uso de vários formatos de expressão (objetos do cotidiano, sons, fotografias, poesias, músicas, jornais, etc) na composição das obras de artes plásticas.

Principais artistas:

– Tristan Tzara

– Marcel Duchamp

– Francis Picabia

– Guillaume Apollinaire

– Hugo Ball

– Richard Huelsenbeck

– Marcel Janco

Adaptado de:https://goo.gl/29VLC9

Preconceito de gênero

No nosso vídeo, falamos um pouco sobre a ideologia de gênero, o machismo e o feminismo.

Nós escolhemos esse tema, pois somos mulheres e, mesmo novas, percebemos a enorme e grotesca influência do machismo nas nossas vidas, seja por opiniões, seja por proibições de nossos pais, seja pelos nossos próprios pensamentos sobre a roupa e o que os outros vão pensar e falar da gente, seja por ações de “precaução” contra estupros, que a qualquer momento andando na rua podemos sofrer. Nós repudiamos a postura passiva e resolvemos falar!

Na nossa produção, a gente gravou áudios e tirou fotos. As informações presentes no vídeo são:

·         O que é machismo;

·         Tipos de feminismo;

·         Modo como atua na sociedade

By: Alycia Raegy, Daianny Sales, Luanna Oliveira e Pamela Lira

Projetos de sustentabilidade na Inglaterra

A despoluição do rio Tâmisa

O rio Tâmisa, na Inglaterra, ficou conhecido como o ”Grande Fedor” quando, em 1858, as sessões do Parlamento foram suspensas devido ao mau cheiro. A poluição do rio também estava na consciência dos ingleses por causa da morte do príncipe Alberto, marido da rainha Vitória.
O processo de despoluição do rio Tâmisa, que corta a cidade de Londres, é um exemplo que deve ser seguido por todas as cidades que sofrem com o mesmo problema de terem seus rios poluídos.

Com o investimento e a tecnologia adequados, o rio Tâmisa que estava biologicamente morto e reviveu em menos de 50 anos. No século 19, o rio era conhecido como “O Grande Mau Cheiro” e doenças de veiculação hídrica e até mesmo cólera eram bastante comuns.
O primeiro passo foi a construção de um sistema de captação de esgoto, porém esta solução não foi suficiente com o crescimento da população. Desde então, o número de estações de tratamento de esgoto foram ampliadas.
Atualmente, a empresa de saneamento de Londres continua a investir na infraestrutura. Dois barcos percorrem o Tâmisa de segunda a sexta e retiram 30 toneladas de lixo por dia. Todos os detritos são coletados por grades instaladas na proa e por esteiras que varrem o leito do rio. Câmeras de vídeo, radares e sonares informam a localização do lixo.
Hoje, existem 125 espécies de peixes no Tâmisa e mais de 400 espécies de invertebrados. Mesmo com os sinais de que a revitalização das águas do Tâmisa deu certo, a Thames Water, empresa de saneamento londrina, mantém um alto investimento no tratamento da água e no sistema de esgotos.
A guerra contra a poluição deve ser constante. A reforma das estações de tratamento, fiscalização de despejo, tratamento de todo material orgânico e inorgânico e consertos de encanamentos mal feitos, devem ser constantemente avaliados e refeitos.
O grande mérito para a execução desse projeto foi a percepção, pela população, de que o rio é fundamental para a vida na cidade.

Pesquisa por: Alycia Raegy e Daianny Sales

Programas de sustentabilidade na Inglaterra

Referências mundiais da ecologia e sustentabilidade já passaram Schumacher College, na Inglaterra, reconhecida pelo pioneirismo em aplicar uma abordagem holística nos campos da ciência e da economia. A Schumacher College conta com diversos colaboradores, entre eles está a física e ativista indiana Vandana Shiva, que concedeu uma entrevista exclusiva ao Cidades e Soluções.

 

Pesquisa por: Luanna Oliveira e Pamela Lira

Página 1 de 2

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén